Comunidade do Sítio Baú há 120 anos mantém tradição e a fé em São José

Março 20, 2016 Sem comentários »

Neste sábado, 19, a reportagem do portal Iguatu.net acompanhou a manutenção de uma tradição que completa 120 anos de fé com os católicos da região do Sítio Baú em Iguatu.

A tradicional missa campal que é celebrada sob a sombra de um fícus em louvor a São José. O celebrante foi o padre Carlos Roberto Alencar.

Quase mil pessoas acompanharam o momento religioso, onde por quase duas horas ouviram atentamente as palavras do pároco e observaram todos os procedimentos litúrgicos com um enorme respeito, “ celebramos muitas missas, a sabemos que sempre existe algum burburinho, barulho, mas esta de hoje nos deixou impressionados devido o silêncio, o respeito que foi apresentado e mesmo sendo em uma área campal, algo que é raro de se ver”, disse o Padre Roberto.

A comunidade e região comemorava a chegada das chuvas que banharam a região e o ressurgimento das Lagoas do Baú e do Saco, “ nesta sexta-feira,18, tivemos uma chuva de 110mm e com ela veio a esperança de um bom inverno, e as águas das nossas lagoas voltando a cobrir as terras, sinais da esperança e de alegria para nossos agricultores, temos que comemorar e agradecer por tudo ao nosso Deus, e nada melhor que neste momento de fé em São José”, destaca uma das lideranças da comunidade, Edval do Baú.

Nesta localidade as novenas são realizadas todo o mês ,” aqui os devotos não se cansam de rezar e renovar preces ao nosso padroeiro. Lá não se celebra uma novenário, mas um trinário, ou seja, são 31 dias de cânticos e orações na capelinha durante todo este mês. Uma vonta imensa de renovar nossa fé, manter nossa tradição e a confiança que teremos dias melhores”, afirma outra liderança da comunidade, Mauro Nogueira.

 

DSC_0483

O início  

A história da devoção a São José, no Baú, nasceu da fé de um agricultor, mas teve motivo próprio, diferente dos pedidos e agradecimentos por um bom inverno. Em 1896, o agricultor José Alves de Oliveira, fiel às tradições de fé e religiosidade, em um momento de muita aflição, por ocasião do nascimento de um dos seus filhos, fez promessa e com a graça alcançada ergueu a capela e dedicou o templo a São José.

A neta, Zenalda Alves de Oliveira, conta que a avó, Clara Alves de Oliveira, enfrentava um parto difícil, sem possibilidade de sucesso e risco de morte para a mãe e a criança. “Naquele tempo não havia recursos de medicina, presença de médicos e os partos eram acompanhados por parteiras”, lembra. “Depois de ver esgotado todos os meios, num ato de fé e de viva confiança, meu avô invocou o testemunho de São José e como gratidão pela graça alcançada edificou a capela”.

Desde então, a família e os moradores celebram novenas ao longo do mês dedicado ao santo. Hoje foi dia de festa na comunidade.

 

 

 

Comunidade do Sítio Baú há 120 anos mantém tradição e a fé em São José

Documentário será produzido

Durante a missa, uma equipe registrada com vídeos e fotos cada instante da cerimônia, no final o Mauro Nogueira anunciou que um documentário está sendo produzido, em entrevista a Rádio Liberdade 870 AM que acompanhou toda a solenidade, o fotógrafo Paulo Marcelo explicou o que será feito com todo o material capturado neste dia, ” registramos muitos momentos com vídeos e fotos, é uma bela festa, singular, algo assim não se vê em qualquer parte do Ceará, e vamos levar para Fortaleza tudo, após uma análise definir como será a divulgação, mas é incrível como eles da comunidade se entregam na proteção da tradição e fé na festa do padroeiro do Ceará”, disse.

“É inacreditável, a longevidade do áudio e cânticos a São José, a missa embaixo de uma árvore é outro fator belo, o respeito das pessoas durante a missa, um enorme silêncio, é algo que chama a atenção e vamos divulgar este momento”, observou o Henrique Araújo que faz parte da equipe.

Ambos foram contactados pelo iguatuense , Leilson que que pertence a família do agricultor, José Alves de Oliveira, sou tataraneto dele e conheço os amigos Paulo e Henrique, eles decidiram vir aqui fazer o documentário então, vim aqui acompanhar o trabalho deles e ajudar no que for preciso para que ambos levem a bela mensagem de fé e tradição do Baú”, finalizou.

DSC_0480DSC_0494

 

Assunto Relacionado

Comente